segunda-feira, 2 de abril de 2012

Falando mal de tudo e de todos... última moda!!!

Falando mal mesmo!!!
Então tá, já que a moda é falar mal de tudo eu vou falar também!!!
Vou começar falando mal das roupas. Sim, elas são um dos maiores sonhos de consumo das mulheres, mas, não servem em todas. As roupas mais lindas e maravilhosas são feitas para caber apenas em corpinhos de top models magricelas que não têm nada a ver com as mulheres de verdade, que sonham em entrar numa roupinha daquelas.
Gostaram? Então se adaptem!!!
babem meninas, mas não é pra qualquer uma!!!
Mas tem os sapatos também. Aqueles glamorosos, lindos de morrer, com saltos mais lindos ainda, não são feitos para as mulheres que trabalham o dia todo, vão ao supermercado, pagam contas, etc, ficarem em cima deles. Foram feitos apenas para o caso da pessoa sair de casa, de carro, para algum compromisso que não inclua ficar em pé mais de cinco minutos (significa que casamentos e formaturas não estão na lista).
Vocês já viram alguém achar isso ruim???
E as calorias? Afff, não gosto nem de pensar. São uns monstrinhos que se escondem nas coisas mais gostosas que existem e fazem a gente ficar enorme de gorda. Vocês já ouviram alguém falar que se divertiu tomando água e comendo alface? Se ouviram, escutem de uma ex-magra: é mentira pura. A gente fica louca pra se empanturrar de coisas gostosas!!!
Já que é pra falar mal, não podia esquecer de um vilão daqueles: o tempo. Por que ele tem que passar? Por que nossos bebês têm que crescer e se desgarrar da gente? Nossa pele ganhar umas ruguinhas e ficar ressecadas? Nossos melhores amigos tomarem rumos diferente na vida e se esquecerem da gente?
Vocês devem estar achando que eu fiquei doida. Ou que este é um post daqueles baixo-astral, mas não é nada disso.
O tempo passa, mas... e daí???

As pessoas sempre me perguntam por que eu não tenho escrito ultimamente, então aí vão as respostas:
A primeira é a falta de tempo (olha ele aí de novo). Tenho que trabalhar o dia inteiro pra poder pagar as contas, comprar roupas (que não vão me servir), comprar sapatos (que eu não vou agüentar calçar) e comidas que eu vou comer e engordar bastante. Além do mais, tenho que terminar de criar meu filho, dar conta de algumas tarefas domésticas e outras externas. Vamos combinar que não tem jeito de ficar o dia inteiro produzindo textos de boa qualidade.
só reclamar não tá com nada!!!
A outra razão é que eu ando meio desanimada com esse negócio de blog. Hoje em dia todo mundo criou blog pra falar mal de alguma coisa ou de alguém. Vocês já repararam no número de blogs que reclamam de tudo e todos o dia inteiro? A minha proposta é totalmente diferente do que eu vejo no dia a dia. Eu queria poder falar sem compromisso, abobrinha mesmo.
O importante é ser feliz!!!
Acho que depois deste post não vou ser convidada (nunca fui) pra algum encontro de blogueiros ou ser publicada em algum meio de comunicação. Mas pelo menos eu pude desabafar (dentro da minha proposta) e mostrar a vocês como é chato abrir um texto e ler só lamúrias, ainda que o autor nem saiba porque está reclamando.
Então, vou seguindo do meu jeito: com publicação “meio-que-de-vez-em-quando”, gordinha, de salto baixo, tomando uma gelada no final de semana, comendo porcaria, lendo muuuuito e FELIZ.
Mil beijos!!!

2 comentários:

  1. to garrado neste blog igual carrapato no "saco".
    posta mais!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom primo, tô atualizando minhas postagens.
      Quero ver se não paro de escrever!!!

      Excluir